Cidades

Pai e mãe são suspeitos de permitir estupro da filha de 10 anos em Itaberaí

A menina relatou sobre o abuso, mas os pais negligenciaram o fato

diario da manha
Foto: Divulgação - PM

Um pai e uma mãe são suspeitos permitir que a própria filha de 10 anos fosse estuprada por uma amiga do casal, na zona rural de Itaberaí, no Noroeste de Goiás. De acordo com a Policia, a menina contou aos pais sobre o abuso, mas eles não fizeram nada. Depois disso, ela denunciou o crime para a avó materna, que levou a denúncia ao Conselho Tutelar.

A criança disse que a mulher a estuprou com a mão e que um homem teria vigiado o local para que ninguém percebesse a ação. A menina vive na cidade de Itaberaí com a família. Porém, o crime aconteceu quando eles estava em uma festa particular com amigos na beira de um rio, na zona rural do município.

Os pais negam que foram omissos quanto ao crime. Segundo a PM : “Os pais negam que sabiam que a filha foi estuprada. Mas, eles têm o dever de cuidado. Se comprovado que eles sabiam, podem responder criminalmente pelo mesmo crime, só que na modalidade por omissiva”.

A mulher foi presa em flagrante, os pais e o outro homem envolvido, foram levados para prestar esclarecimentos. A investigação segue em sigilo, já que a vítima é menor. A menina está sobre os cuidados da avó materna, que foi quem denunciou o abuso.

Leia Também

Comentários