Home / Cotidiano

COTIDIANO

Homem suspeito de manter namorada em cárcere privado é morto

Segundo um parente do suspeito, ele estaria em um surto psicótico

Reprodução/TV Anhanguera Reprodução/TV Anhanguera

Um homem suspeito de manter a namorada em cárcere privado em um apartamento no centro de Goiânia, morreu durante o resgate da vítima. O caso ocorreu no domingo, 31.

De acordo com a Polícia Militar, vizinhos ouviram gritos da vítima e acionaram a corporação, que chegou no local e se deparou com Vinícius Brito segurando a mulher pelo pescoço na sala.

A PM informou que quando o suspeito viu os militares, levou a namorada para o quarto, deu murros na parede e tentou agredir os policiais, que atiraram nele.

A vítima disse aos policiais que ficou encarcerada por dois dias, e que tinha ido ao apartamento encontrar o namorado para ir com ele a Pirenópolis, onde passariam o feriado de Páscoa.

Um familiar, que não quis ser identificado, disse que Vinícius poderia estar em surto psicótico e sem controle sobre sua própria razão. E que pode ter avançado, desarmado e não muito forte, contra os dois policiais armados. Na visão do familiar, a "balança de ameaça" não se justifica, e considerou a ação policial como violenta.

Leia também:

  

edição
do dia

Capa do dia

últimas
notícias

+ notícias