DM Autos

Subaru Forester e Subaru XV estreiam motor híbrido e-Boxer no Brasil

SUVs estão sendo vendidos por R$ 223.000 e R$ 193.000, respectivamente.

diario da manha
Subaru Forester e-Boxer e Subaru XV e-Boxer (no detalhe).

O Subaru Forester e o Subaru XV, modelos de importação exclusiva da CAOA, desembarcam no Brasil com motorização híbrida e-Boxer. O Subaru Forester 2.0 e-Boxer está sendo comercializado com preço de R$ 223.900,00. O Subaru XV 2.0 e-Boxer, por sua vez, chega ao Brasil com preços a partir de R$ 193.900,00.

A tecnologia de propulsão que estreia nos dois SUVs consiste no sistema e-Boxer. Por ele ocorre a combinação das ações do motor Boxer com tração 4×4 Symmetrical AWD com a assistência de um motor elétrico introduzido em sua transmissão.

Estes dois modelos também contam com o sistema de condução inteligente SI-Drive, que foi customizado para o e-Boxer, para melhor aproveitar os benefícios do motor elétrico.

O Subaru Forester e-Boxer chega também com a 4ª geração do sistema de condução assistida EyeSight com ganhos efetivos no campo de visão, reconhecimento de imagem, melhor desempenho da assistência à frenagem e maior suporte para evitar colisões.

Motor

No Modo S, o motor elétrico é ativado mais cedo durante a aceleração enquanto mantém os RPMs mais altos do motor BOXER para uma melhor resposta de aceleração, tornando a direção em estradas sinuosas mais conveniente e agradável.

Ainda no Modo S, os níveis da relação do motor elétrico são exibidos no visor multifuncional para que o motorista possa visualizar seu funcionamento.

A importação de modelos híbridos para o Brasil alinha a estratégia global da SUBARU com o plano de eletrificação da CAOA. A marca pretende garantir ao consumidor brasileiro opções com excelente eficiência energética.

Como ganho direto, esse consumidor irá contar com menor consumo de combustível, menor emissão de poluentes e isenção total ou parcial do IPVA em diversos estados brasileiros.

Subaru Forester e Subaru XV: Conjunto mecânico

Os modelos Subaru Forester e-Boxer e Subaru XV e-Boxer são designados como Mild Hybrid Vehicle (MHEV) em que o motor a combustão é a principal fonte de energia.A bateria e o motor elétrico auxiliam em certas situações de direção, como no momento que o veículo está estático e inicia sua movimentação.

Utilizado nos dois modelos, o motor elétrico resulta em maior desempenho de potência do que os números do motor à combustão isoladamente e melhora também nos índices de eficiência energética.

Durante a condução com carga leve e partindo de uma parada, o motor elétrico se destaca proporcionando uma aceleração mais forte e agradável.

Além disso, o motor elétrico é relativamente pequeno e leve, o que o torna mais econômico em termos de consumo de combustível. Este motor elétrico utilizado no e-BOXER gera uma potência máxima de 12,3 kW e torque de 66 Nm.

Desempenho

Os SUVs Subaru Forester e-Boxer e Subaru XV e-Boxer herdam o desempenho do centro de gravidade baixo e AWD simétrico especificamente balanceado. Para manter esta característica, o motor elétrico é colocado próximo ao centro de gravidade do veículo.

A bateria e outros componentes são dispostos acima do eixo traseiro, obtendo um centro de gravidade ainda mais baixo e uma distribuição de peso dianteiro / traseiro mais equilibrada do que o modelo a gasolina.

O motor elétrico acoplado na caixa de transmissão ajudou a implementar a tecnologia e-Boxer, sem ter que mudar o layout estrutural básico do trem de força Symmetrical AWD. Este motor permite dirigir em modo EV em baixas velocidades e fornece assistência motriz em velocidades médias, ajudando a melhorar a eficiência de combustível, permanecendo um veículo divertido de dirigir.

Potência

O motor Boxer e o motor elétrico geram potência para a condução. A relação de divisão da potência depende da abertura do acelerador e do nível de carga da bateria de alta tensão, e ao dirigir em altas velocidades onde a eficiência do motor é excelente, o motor elétrico é desligado.

Já o motor Boxer é desativado durante a marcha lenta para economizar combustível. Quando o pedal do freio é liberado, o motor elétrico permite que o veículo se movimente para a frente em baixas velocidades. O motor Boxer será ativado conforme demanda, em resposta a fatores como necessidade de maior velocidade, uso do ar condicionado e o nível de carga da bateria.

A regeneração da bateria de íons de Lítio acontece quando o veículo desacelera ou quando o pedal do freio é pressionado. Pode também ser recarregada pelo motor elétrico quando este não estiver auxiliando o deslocamento do veículo.

A utilização do sistema e-Boxer garantiu ganhos expressivos para o Subaru XV. Entre os dados informados ao Inmetro, por exemplo, o Subaru XV e-Boxer atingiu uma melhora de 19% no consumo urbano. Essa melhoria irá garantir uma grande mudança em sua classificação, passando de D para A, em sua categoria.

Forester e-Boxer

O Subaru Forester e-Boxer recebeu mudanças em sua dianteira e passou a contar com faróis redesenhados com um estilo mais agudo. O para-choque dianteiro ganhou uma pequena área em relevo, abaixo do farol, garantindo um ar mais esportivo e jovial ao design frontal, além de salientar o desenho da moldura que contempla os faróis de neblina.

O grande destaque fica para a nova grade com o reposicionamento do tradicional logo das seis estrelas.

O modelo conta com a motorização Boxer 2.0 litros aspirada de 150 CV e 20 Kgf.m com injeção direta de combustível. Agora, com a introdução do motor elétrico, o SUBARU Forester e-BOXER ganhou mais 16% em eficiência energética, passando para 1,72 MJ/Km.

Também entre os dados informados ao Inmetro, o Subaru Forester e-Boxer atingiu uma melhora de 11% no consumo urbano, garantindo sua classificação na categoria como A.

Outra tecnologia para atingir os melhores níveis de eficiência foi a introdução da Active Grill Shutter. A grade dianteira com controle abre ou fecha automaticamente suas aletas mudando sua configuração, em função da velocidade do veículo e da temperatura do liquido de arrefecimento do motor, além de ser um importante componente aerodinâmico.

Sistema EyeSight

Outra importante mudança no Forester é a quarta geração do EyeSight, ainda mais tecnológico e eficiente, o sistema utiliza câmeras estéreo com um campo de visão significativamente maior, além de um novo software de reconhecimento de imagem. O desempenho da assistência à frenagem também evoluiu, e os dados internos que fornecem suporte para evitar colisões foram ampliados.

Nesta nova versão as seguintes funções foram aprimoradas, frenagem de pré-colisão, controle de cruzeiro adaptativo, centralização na faixa de rodagem, alerta de saída de faixa. Outro destaque é a adição da direção autônoma de emergência.

O Forester e-Boxer conta com o Sistema de Monitoramento do Motorista que verifica o comportamento do condutor para alertar fadiga excessiva e falta de atenção.

Também permite o reconhecimento facial de até 5 condutores, ajustando automaticamente as configurações individuais das posições do banco, dos espelhos externos, do ar-condicionado e do computador de bordo.

Comentários