Entretenimento

Após polêmicas, Sérgio Reis desiste de lançar álbum de parcerias

O projeto seria lançado ainda no segundo semestre deste ano.

diario da manha

Em mais um capítulo envolvendo Sérgio Reis, o sertanejo desistiu de lançar seu álbum de parcerias após polêmicas e cancelamento dos cantores. A informação foi confirmada por Marco Bavini, filho do cantor e o produtor do disco, ao G1. O projeto seria lançado ainda no segundo semestre deste ano.

“A produção do CD, o repertório e a gravação foram minhas e, até então, feitas no meu estúdio. Mas, por conta do assunto música ter ficado em segundo plano, eu interrompi tudo”, disse.

“Ninguém mais que eu lamenta por isso. Eu vinha gravando e construindo esse projeto há quase cinco anos de gravações. Infelizmente foi assim. O disco não existe mais”, continuou Bavini.

Leia também: Cantora Juliana Bonde diz ter perdido quase tudo após casa assaltada: “Fui ameaçada de morte”

Com participações já anunciadas e vozes gravadas, Zé Ramalho, Maria Rita, Guilherme Arantes, Guarabyra e Anástacia voltaram atrás e desautorizaram seu lançamento. Apenas Paula Fernandes confirmou que continuaria no álbum.

As desistências se deram após a divulgação de um áudio de Sérgio Reis convocando uma greve nacional de caminhoneiros até que o Senado afastasse os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de seus cargos.  Na última sexta-feira (20), ele virou alvo de busca e apreensão da PF por supostas ações contra a democracia.

Em entrevista ao Domingo Espetacular, da Record, o sertanejo disse que errou e pediu desculpas ao STF. “Eu errei, quero pedir desculpas, até ao Supremo. Eu sou uma pessoa que só pensa bem dos outros. E agora estão querendo acabar comigo como se eu fosse bandido. Eu não sou bandido”, comentou.

Leia também: Homem pula dentro de carro em movimento e evita acidente; assista

Comentários