Entretenimento

Relembre a trajetória gloriosa de Tarcísio Meira na TV

O ator morreu nesta quinta-feira (12), aos 85 anos, em decorrência de complicações da covid-19.

diario da manha

O ator Tarcísio Meira morreu nesta quinta-feira (12), aos 85 anos, em decorrência de complicações da covid-19. Sua esposa, a atriz Glória Menezes, também está internada com o vírus, mas se recupera bem.

Tarcísio foi um dos maiores atores da teledramaturgia brasileira. Nascido em 5 de outubro de 1935, em São Paulo, o artista estreou nas telinhas em 1959, na TV Tupi. Em 1961, contracenou com Glória pela primeira vez, em ‘Grande Teatro Tupi’. No ano seguinte, em 1962, os dois se casaram e seguiram juntos até hoje.

Leia também: Felipe Neto testa positivo para Covid-19: “Infelizmente o vírus chega por todos os lugares”

A trajetória de Meira na Globo se iniciou na novela ‘Sangue e Areia’, em 1967, quando também fez par romântico com Glória Menezes. Dentre os personagens mais marcantes na emissora: “Irmãos Coragem” (1970), “Cavalo de Aço” (1973), “Guerra dos Sexos” (1983), “O Tempo e o Vento” (1985), “Desejo” (1990), “Rei do Gado” (1996), “Torre de Babel” (1998), “Hilda Furacão” (1998), “A Muralha” (2000), “O Beijo do Vampiro” (2002), “Senhora do Destino” (2004), “Páginas da Vida” (2006), “A Favorita” (2008), “A Lei do Amor” (2016).

Seu último trabalho na televisão foi em 2018, na novela das seis “Orgulho e Paixão”. O ator fez mais de 20 filmes, entre eles “A Idade da Pedra” (1981) e “Boca de Ouro” (1990).

Aos 60 anos de carreira, Tarcísio Meira chegou a dizer que sentia pouco cansado para voltar a atuar, mas que ainda não pensava em se aposentar.

“Se é uma coisa que o ator não pensa é em se aposentar e parar de atuar. Claro que ninguém quer morrer no palco. Esses dias vi um sertanejo que morreu no palco, achei tão triste, espero que não aconteça comigo e nenhum de nós. Mas não penso em me aposentar, parar”, disse em entrevista à Quem.

Leia também: Tatá Werneck se pronuncia sobre treta com Fiuk em gravação: “Ninguém tá no melhor estado emocional”

Comentários