Entretenimento

Luciano Hang perde processo contra Felipe Neto: "Grande dia"

"Perdeu em 1ª instância. Recorreu e perdeu de novo”, escreveu Felipe Neto em seu Twitter.

diario da manha

Nesta quarta-feira (22), Felipe Neto revelou em seu perfil no Twitter que venceu um processo movido pelo empresário Luciano Hang.

O dono das lojas Havan pediu indenização por danos morais porque foi acusado pelo influencer de vender alimentos em suas lojas para “driblar” as regras e poder abrir durante a pandemia do coronavírus.

Na época, várias cidades só permitiram o funcionamento de serviços essenciais. Com isso, Luciano passou a vender aliementos em suas lojas da empresa. No entanto, pouco tempo depois, o apoiador de Bolsonaro não recebeu autorização para abrir seus estabelecimentos.

Leia também: Assim como a Globo, SBT obriga funcionários a tomarem vacina contra Covid-19

“GRANDE DIA! Mais uma vitória nos tribunais. Luciano Hang me processou por chamá-lo de “desgraçado” e apontar q a Havan passou a vender arroz e feijão para poder abrir na quarentena. Perdeu em 1ª instância. Recorreu e perdeu de novo”, escreveu Felipe Neto.

Em março, o Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu que as falas do youtuber se enquadram nos limites da liberdade de expressão e que não ofenderam a honra do empresário.

Leia também: Léo Stronda tem 30% do corpo queimado e passa por cirurgias plásticas após acidente com botijão de gás

Luciano Hang já tinha perdido o processo na primeira instância e decidiu recorrer, mas perdeu de novo.

Comentários