Entretenimento

Michel Teló é acionado na justiça para pagar indenização de R$ 130 mil

Por ser um dos sócios do antigo grupo Tradição, o sertanejo tem responsabilidade no pagamento do valor.

diario da manha

Michel Teló foi acionado na Justiça por não pagar uma indenização da época do Grupo Tradição, onde começou sua carreira. As informações são da colunista Fábia Oliveira, do Em Off.

O cantor foi condenado a pagar ao herdeiros por alterações indevidas na letra da música “Pé de Cedro”. O valor da indenização foi determinado pelo juiz Cláudio Müller Pareja em R$ 30 mil, mas agora já ultrapassa R$ 130 mil.

Leia também: Ministério Público denuncia Eduardo Costa por estelionato, diz colunista

De acordo com o processo, que tramita perante a 1ª Vara Cível de Coxim, Hilger Coutinho da Silva e Ilda Alves da Silva, venceram a briga judicial há quase dez anos, em 2012, entretanto, estão até hoje sem receber o dinheiro.

Ainda segundo a publicação, o motivo da confusão foi a alteração de um verso da música. O Tradição teria trocado o “no meu último repouso na cidade de Coxim”, por uma menção à capital de Mato Grosso do Sul, “no meu último repouso na cidade de Campo Grande”.

Leia também: Irmão de Marília Mendonça rebate seguidora que o acusou de estar ‘feliz demais’: “Proibido de ser feliz”

Por ser um dos sócios do antigo grupo, Michel Teló tem responsabilidade no pagamento do valor.

“Seja a ação julgada procedente, desconsiderando a personalidade jurídica, intimando-se os sócios-proprietários da empresa [Tradição Representações Artísticas] na pessoa do senhor Michel Teló”, diz um trecho da ação. 

Grupo Tradição. (Foto: Reprodução/Internet)

Leia também: Emprego na América Latina teve recuperação, mas segue abaixo do pré-pandemia

Comentários