Entretenimento

Globo vai à Justiça para recuperar R$ 318 mil que transferiu por engano na conta de um homem

Ao perceber o alto valor disponível em sua conta, o homem pensou que havia sido contemplado em algum sorteio.

diario da manha

A Globo precisou entrar na Justiça para tentar recuperar uma bolada transferida erroneamente. De acordo com o Notícias da TV, a emissora depositou R$ 318 mil por engano na conta de um homem.

Ao perceber o alto valor disponível em sua conta, o homem pensou que havia sido contemplado em algum sorteio. Com isso, decidiu comprar uma casa pr´ópria com o dinheiro.

Leia também: Justiça aceita denúncia do Ministério Público e Eduardo Costa vira réu por estelionato

O caso aconteceu em 27 de dezembro de 2021, quando a Rede Globo celebrou um acordo trabalhista com um de seus funcionários. Mediante decisão judicial, a emissora fez o pagamento para o colaborador naquele mesmo dia. Porém, caiu na conta errada.

Em janeiro, a emissora entrou em contato com o homem para informar o erro e solicitar a devolução, mas ele argumentou que não podia fazê-lo por já ter investido o valor recebido.

O juíz responsável pelo caso alegou que a disputa tinha erro de todos os lados. “O presente requerimento apresenta insuperáveis equívocos”, disse Luís Felipe Negrão.

Leia também: Em 2021, YouTube removeu 233 vídeos com fake news sobre vacinação e ‘tratamento precoce’

O magistrado deu dez dias para que a Globo avaliasse o caso e fizesse as mudanças necessárias, já que a emissora estipulou um valor bem menor para o processo em relação ao que ela realmente quer.

“Ora, se há um alegado indébito de R$ 318.600,40, o valor da causa não pode ser R$ 1.000.  Assim sendo, sem prejuízo de eventual aditamento subsequente, remete o autor sua petição inicial de tutela antecedente, no prazo de dez dias, adequando-a aos requisitos expostos na presente decisão”, sentenciou.

Comentários