Esportes

Copa do Mundo tem mulheres na arbitragem pela primeira vez

Entre as bandeirinhas, há uma brasileira, Neuza Back, de 37 anos. O anúncio foi feito pela Fifa nesta quinta-feira, 19

diario da manha
Foto: Kin Saito/CBF

Pela primeira vez na história, a copa do mundo conta com três árbitras e três assistentes do sexo feminino que irão apitar os jogos do mais importante torneio de futebol masculino, que ocorre entre 21 de novembro e 18 de dezembro deste ano, no Catar.

Entre as bandeirinhas, há uma brasileira, Neuza Back, de 37 anos, o anúncio foi feito pela Fifa nesta quinta-feira, 19. Outro fato importante é que entre os 36 árbitros que foram escolhidos pela federação internacional, dois deles são brasileiros, fato que não acontecia desde a copa de 1950, disputada no Brasil.

Desde então, o país costumava ter apenas um representante na arbitragem principal. Desta vez, Raphael Claus e Wilton Pereira Sampaio foram chamados.

Os árbitros convocados participarão de seminários preparatórios durante o verão europeu em Assunção, no Paraguai, Madri, na Espanha, e Doha, no Catar. Eles também passarão por rigorosos testes e avaliações físicas, técnicas e médicas.

Leia também:

Comentários