Internacional

Youtuber supostamente desaparecida é encontrada pela polícia

Segundo caso em que a youtuber

diario da manha
Foto: Reprodução

Marina Joyce, uma youtuber britânica, de 22 anos, foi encontrada “viva e bem” pela polícia.

O anúncio foi através do Twitter e a Polícia Britânica não deu muitas informações. A última postagem de Marina em suas redes sociais foi feita em 24 de julho e foi vista pela última vez no dia 31 do mesmo mês.

O Caso Marina Joyce

Em 2017 a internet enlouqueceu ao se deparar com um suposto pedido de socorro de Marina Joyce, uma youtuber britânica, em um de seus vídeos.

Os internautas, dentre eles muitos brasileiros, começaram a suspeitar de que Marina poderia estar passando por um sequestro e estaria pedindo socorro. Em um de seus vídeos era possível escutar um possível sussurro de socorro, em outro aparecia uma arma ao fundo e por último, os fãs notaram que ela parava de falar durante os vídeos e parecia observar alguém que estava por trás da câmera.

Na época a hashtag #SaveMarinaJoyce ficou no trending topics do Twitter mundial durante vários dias.

Meses se passaram e Marina falou pela primeira vez sobre o que aconteceu na época. De acordo com ela, ela estava em uma profunda depressão, o que justificava seu comportamento vazio e estranho em alguns vídeos. Marina explicou que só abriu o jogo porque não estava bem com sua mentalidade e precisa de um tempo para ficar bem novamente.

Todas as teorias e a preocupação que muitas pessoas tiveram com ela serviram para ela reavaliar a vida e pensar que tinha algo muito errado consigo mesma, afirmou.

Comentários