mundo

Mais de 100 estudantes alemães que faziam trilha foram resgatados nos Alpes Austríacos

Grupo tinha crianças de 12 a 14 anos e 8 professores. Dois estudantes escorregaram e ficaram levemente feridos.

diario da manha
Neve cobre as montanhas dos Alpes atrás das árvores coloridas do outono perto de Innsbruck, Áustria - Foto: Reprodução

Um grupo de mais de 100 estudantes alemães e seus professores tiveram que ser resgatados e levados por helicóptero a um local seguro nas montanhas dos Alpes Austríacos, anunciou a polícia nesta quarta-feira, 8.

Dois helicópteros e dezenas de socorristas foram mobilizados na terça-feira para socorrer as 99 crianças de entre 12 e 14 anos e seus oito professores, presos em uma trilha em Vorarlberg, no Oeste da Áustria.

Os professores ligaram para os serviços de emergência quando a trilha começou a ficar mais difícil e começou a chover. Dois estudantes escorregaram e ficaram levemente feridos.

Segundo informações da agência de notícias Associated Press, os viajantes saíram da cidade de Ludwigshafen a caminho de Voralberg, uma distância de, aproximadamente, 400km.

A polícia do estado disse que mais de 60 equipes de resgate, incluindo o prefeito local, participaram do resgate. A polícia disse em comunicado nesta quarta-feira, 8, que o grupo de Ludwigshafen, na Alemanha, ficou preso em um cume que levava ao cume de Walmendingerhorn depois que um professor encontrou o que foi descrito como uma “caminhada noturna clássica” usando uma ferramenta de busca na internet.

O difícil acesso e a falta de equipamentos adequados para chegar ao local fizeram com que o grupo recuasse. “Vários alunos estavam exaustos, com frio, molhados e completamente perturbados”, disse o comunicado, acrescentando que uma equipe de intervenção em crises foi chamada para ajudar.

Com informações do G1.

  • Leia também:

Comentários