Política & Justiça

Bolsonaro admite que pode rever indicação de Eduardo para embaixada nos EUA

diario da manha
Foto/Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro admitiu, nesta terça-feira (20/8), a possibilidade de desistir da indicação de seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), para a Embaixada do Brasil nos Estados Unidos, mais alto posto da diplomacia brasileira.

Segundo Bolsonaro, o parecer da Consultoria do Senado, que considerou nepotismo a indicação do deputado federal, tem “viés político” e são elaborados “de acordo com o interesse do parlamentar”.

Vale lembrar que a indicação ainda não foi formalizada pelo governo brasileiro ao Senado, responsável por sabatinar e aprovar futuros embaixadores. O Palácio do Planalto considera que ainda não tem maioria para aprovação do nome de Eduardo.

O presidente também declarou que não quer submeter Eduardo “ao fracasso” no Senado. “Eu não quero submeter o meu filho a um fracasso. Eu acho que ele tem competência. Mas tudo pode acontecer, prezado companheiro”, afirmou Bolsonaro (PSL)

Comentários