Brasil

"Feminicídio é culpa da mulher", diz professor afastado em Teresina

A fala dele foi gravada enquanto o professor ministrava a aula sobre a evolução dos seres

diario da manha
Foto/Reprodução

Em um vídeo compartilhado nas redes sociais, um professor de biologia, em Teresina (PI) declarou durante a aula que “90% dos casos de feminicídios a mulher tem culpa”. Depois da polêmica, a escola particular, em nota pediu desculpas pelo ocorrido, e repudiou a postura do profissional que foi afastado do oficio.

O fala foi gravada enquanto o professor ministrava a aula sobre a evolução dos seres, destacando os trabalhos de Gregor Mendel. Depois ele fez a afirmação: “Desculpa vocês mulheres. Não é preconceito não, mas 90% dos casos de feminicídios a mulher tem culpa”. completou, “Caramba, quando vocês estiverem namorando, observe o parceiro, observe a parceira. Estão namorando pelo menos um mês, dois meses. ‘Ah! professor, mas ninguém conhece o ser humano?’, dá para conhecer um pouquinho”, afirmou.

A direção do colégio CPI afirmou o seu compromisso de combate aos crimes de ódio e contra a misoginia. “Pedimos desculpas ao nosso público, reiteramos o nosso compromisso de continuar disponibilizando uma educação de qualidade, de resultados e comprometida com os valores morais. Por não concordar de forma alguma com este ponto de vista e repudiar completamente este tipo de conduta, que depõe frontalmente contra nossos valores éticos e profissionais, a direção da escola vem a público comunicar que, diante do fato, proceder com o imediato afastamento do colaborador do seu quadro de funcionários”, disse em nota.

Assista o vídeo:


Vídeo no Canal Web Tv Castelo do Piaui – Youtube

feminicídio é um crime de homicídio praticado contra a mulher, pelo simples fato da vítima ser do sexo feminino. Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, só em 2020 o país teve 3.913 homicídios de mulheres. Desses casos somente 1.350 foram registrados como feminicídios, uma média de 34,5% do total de assassinatos.

Leia Também

Comentários