Brasil

Polícia mira golpe financeiro da Alpha consultoria

De acordo com as investigações, a Alpha Consultoria em Tecnologia da Informação (LTDA) foi aberta em fevereiro de 2021 e começou a atrasar o pagamento dos rendimentos dos clientes cerca de dois meses depois

diario da manha

A Polícia Civil do Rio de Janeiro iniciou nesta segunda-feira, 04, a Operação Aryan, contra os sócios da Alpha Consultoria, suspeitos de pirâmide financeira e de lesar pelo menos 2 mil clientes em todo o Brasil. A firma, de Niterói, oferecia mediação de investimentos em criptomoedas com a promessa de entregar rendimentos de até 30% ao mês, mas os pagamentos cessavam pouco tempo depois.

Agentes da 76ª DP de Niterói tentaram localizar o empresário Sadraqui de Freitas e o ex-pastor evangélico Nathan Assis de Oliveira por estelionato, associação criminosa e crime contra a economia popular. No entanto, os sócios não foram encontrados. A polícia também cumpriu nove mandatos de busca e apreensão.

De acordo com as investigações, a Alpha Consultoria em Tecnologia da Informação (LTDA) foi aberta em fevereiro de 2021 e começou a atrasar o pagamento dos rendimentos dos clientes cerca de dois meses depois. Sadraqui possui 30 anotações criminais por estelionato, organização criminosa, associação criminosa, lavagem de dinheiro e crimes contra a economia popular. Nathan possui 24 anotações pelos mesmos crimes. Eles nunca haviam sido presos.

Segundo informações do G1

Leia também:

Comentários