Brasil

Homem agride mulheres trans com socos e joga água no rosto delas

Caso é investigado pela polícia civil. A corporação tenta identificar o suspeito que deve responder por lesão corporal

diario da manha

Um homem foi flagrado agredindo mulheres transexuais com socos e jogando água no rosto delas na Zona Sul de São Paulo. As vítimas que aparecem nas imagens são garotas de programa que trabalham na região da Saúde. Elas acusam um morador do bairro, que, segundo elas, aparece nas filmagens, de transfobia. Ao menos uma delas, que teve um dente quebrado e hematomas pelo corpo, procurou a polícia.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), a Polícia Civil investiga o caso inicialmente como lesão corporal. Ainda segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa da pasta, a investigação analisará os vídeos para tentar identificar o agressor. E pede também para que outras vítimas procurem a delegacia da região para denunciar o suspeito.

Segundo informações do G1

Leia também:

Comentários