Entretenimento

Atacada, repórter da Globo quase é atropelada por homem durante entrada ao vivo

Jornalista contou que o homem, que não foi identificado, começou a atacá-la quando percebeu que era da Globo.

diario da manha

Paula Araújo, repórter da GloboNews, quase foi atropelada enquanto apresentava uma reportagem ao vivo no programa ‘Em Pauta’. O caso aconteceu na última terça-feira, 10, em São Paulo.

A jornalista estava na avenida Cupecê, uma importante via da cidade, quando o homem, que não foi identificado, parou em um semáforo perto de Paula e começou a atacá-la.

“Eu estava fazendo uma entrada ao vivo, quando um homem de carro parou no semáforo e começou a xingar a gente por conta da Globo”, disse.

Leia também: De novo? Arthur Aguiar teria traído Maíra Cardi pouco antes de entrar no BBB 22, diz colunista

Nada satisfeito em “apenas” xingá-la, a repórter contou que o homem colocou a marcha ré e invadiu a calçada onde ela e Patrícia Santos, repórter cinematográfica, estavam e quase causou um acidente.

“‘Ah, é da Globo? Não vou deixar trabalhar!’. Ele deu ré em direção a mim, que estava na calçada. Ele só não me atingiu porque dei dois passos para frente. Ainda bem que tinha um policial do lado. Daí ele logo saiu”, revelou Paula Araújo.

A emissora emitiu uma nota repudiando o ataque contra a equipe de reportagem. “A TV Globo repudia com veemência a violência, se solidariza com a repórter Paula Araújo e com a repórter cinematográfica Patrícia Santos e adverte, mais uma vez, que todos os que agridem o trabalho da imprensa estimulam esse tipo de ato”.

Leia também: Luisa Mell desabafa após ter convulsão e ser internada às pressas: “Não aguento mais”

Comentários