Brasil

Temporal em Angra dos Reis deixa uma pessoa morta

A chuva cai desde a noite de quinta-feira 31, e se estendeu até a madrugada deste sábado, 2

diario da manha
Foto: Reprodução/ Redes Sociais

Uma pessoa morreu em Mesquita, na Baixada Fluminense, após deslizamento de terra em Angra dos Reis, na Costa Verde (RJ). Até o momento há 11 desaparecidos.

De acordo com a Defesa Cível, o homem sem identificação, e aparentando cerca de 35 anos, teria sido atingido por uma descarga elétrica.

Cidades da Baixada também registraram alagamentos, A Prefeitura de Nova Iguaçu afirmou que a cidade registrou 141 mm de chuva no bairro Moquetá, o que equivale a 148% da média de chuva do mês de abril. 

Segundo o Corpo de Bombeiros, cinco pessoas sofram resgatadas e levadas ao Hospital da Japuíba. Seis grupamentos da corporação e agentes da Defesa Civil da cidade estão em busca de desaparecidos pela manhã.

A chuva registrada em 48h, com 655 mm de precipitação no continente, e 592 mm na Ilha Grande e é a maior da história da cidade.

Conforme a Defesa Civil, ao longo da madrugada, 28 sirenes foram tocadas nos 20 blocos que abrangem as áreas de risco para alertar os moradores sobre a possibilidade de deslizamentos.

De acordo com a prefeitura, foram disponibilizados abrigos para as pessoas que precisam deixar suas casas e ao menos 13 já procuraram esses espaços, onde recebem apoio das secretarias de Educação e Assistência Social.

*Com Informação do G1

Leia Também:

Comentários